jusbrasil.com.br
3 de Março de 2021

Feito é melhor que perfeito

Comece e faça os ajustes no caminho

Advocacionando  , Advogado
Publicado por Advocacionando
há 7 meses

Você já se pegou procrastinando demais alguma coisa que queria pôr em prática? Nós já!


Começando pela nossa própria história, faz pouco tempo que começamos a: gravar o Podcast Advocacionando, escrever textos aqui no Jusbrasil, fazer lives no Instagram e vídeos para o Youtube. Antes de começarmos, demoramos algum tempo por tentar buscar a perfeição, esperando uma condição ideal que nunca vai chegar se você não agir.

Quando tomamos a decisão de começar, o resultado foi positivo e os ajustes foram - e continuam sendo - feitos no caminho.

No início da carreira na advocacia é muito comum que nós, jovens advogados, percamos muito tempo buscando a perfeição numa petição, por exemplo, ao passo que um advogado que entendeu o jogo pode fazer uma petição mais simples, sucinta e objetiva, o que demanda menos tempo pesquisando dezenas de jurisprudências que surtirão o mesmo efeito que apenas uma perfeitamente adequada ao caso concreto.

Sheryl Sandberg, diretora de operações e número dois no comando do Facebook, é um exemplo de quem usa a ideia de que "feito é melhor que perfeito" com grande êxito. Ela utiliza essa metodologia no tocante à produção, fazendo com que o Facebook sempre traga diversas novas ideias ao público, e com isso ocorrem diversos erros, que servem de aprendizado e são corrigidos no percurso.

O próprio Mark Zuckerberg é outro exemplo quando o assunto é agir mesmo sem ter as condições ideais, pois criou o Facebook do seu dormitório em Harvard, sem entender à fundo sobre relacionamentos, buscando conectar os universitários daquele lugar. Ele acreditava que alguém poderia fazer isso em larga escala um dia, conectando o mundo todo. Seguiu trabalhando em aprimorar o Facebook e o resto dessa história você já sabe, né?!

Se você deseja agir com inovação, esteja preparado para ser rejeitado e criticado. J. K. Rowling foi rejeitada 12 vezes antes de finalmente escrever e publicar Harry Potter.

Michael Jordan é outro grande ícone que nos mostra como é necessário agir, mesmo que estejamos suscetíveis a falhas:

Errei mais de 9.000 cestas e perdi quase 300 jogos. Em 26 diferentes finais de partidas fui encarregado de jogar a bola que venceria o jogo… e falhei. Eu tenho uma história repleta de falhas e fracassos em minha vida. E é exatamente por isso que sou um sucesso.

O perfeccionismo pode ser interessante quando não te impede de agir e te faz tentar entregar o melhor possível. Feito é melhor que perfeito é uma ideia que serve para nos ajudar a começar algum projeto. Isso não é antagônico com buscar fazer o melhor serviço possível. A chave é buscar fazer o melhor com as condições que você possui no momento, e não ficar esperando uma condição ideal, o que pode te fazer perder oportunidades.

No nosso podcast você pode ouvir essa conversa na íntegra.

Gostou do texto? Qual sua opinião sobre os assuntos abordados? Comenta aqui embaixo!

Muito obrigado!

>>LINK DO PODCAST

Por Guilherme Chokailo e Rodrigo Guerin.

15 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Falou tudo! Recentemente fiz uns trabalhos de mkt digital e realmente não ficou perfeito, ficou até bem caseiro. Não tinha equipamentos profissionais e nem um perfil de "youtuber", mas tudo isso conquistamos com prática, estudo e persistência. No meu caso, foi uma evolução pessoal/profissional e que valeu muito, justamente pelas barreiras ultrapassadas. continuar lendo

Muito obrigado pelo prestígio de sempre, Dr. Ivan!

Esse teu exemplo enriquece muito e com certeza pode inspirar outros colegas a colocar em prática aquela famosa frase: "Comece onde você está, use o que você tem e faça o que você pode."

E até se pudesse mais, o fato de dar o primeiro passo, sair da zona de conforto e agir, já nos motiva a ir além e aprimorar os processos no caminho.

Abraço! continuar lendo

Excelente!!! Concordo plenamente! continuar lendo

Olá, Bianca!

Por mais que as vezes seja difícil dar nosso melhor, ainda mais em tempos de pandemia, é necessário dar o primeiro passo, e somente ele pode nos fazer chegar ao extraordinário.

Obrigado pelo comentário, um abraço! continuar lendo

Só o título já diz tudo! continuar lendo

Realmente, doutora Pâmela.

É um títulos que nos instiga a agir.

Muito obrigado pelo comentário, um abraço! continuar lendo

Excelente! Completamente atual. Na busca pela perfeição acabamos não saindo do lugar.
É preciso ser resiliente. continuar lendo

Muito obrigado pelo elogio, doutora!

Realmente o tema é muito atual e devemos ter essa cautela na busca pela perfeição. E como dito no texto, isso não implica em fazer a atividade a qual se propôs de "qualquer jeito", mas agir conforme for possível no momento.

Resiliência é uma das características que mais podem ajudar um ser humano atualmente!

Um abraço! continuar lendo